MOVIMENTO ISRAELITA NAZARENO DO BRASIL

Como observar a Lua Nova?

Como observar a Lua Nova?

ROSH CHODESH –  A OBSERVAÇÃO DA LUA NOVA

 Um despertar e uma renovação para a Casa de Efraym

 

    “Este mês será para vós o princípio dos meses;

 este vos será o primeiro dos meses do ano”. Shemot/Êxodo 12.2

 

“Tocai o shofar em Rosh-Hodesh (lua nova)

E no tempo apontado de nossa Festa”. Tehilim/Salmos 81.3

 

“E será que desde uma lua nova até à outra, e desde um shabat até ao outro, virá toda a carne a adorar perante mim, diz o YHWH”. Yeshayah/Isaías 66.23

 


Parte I

 

Artigo da  The Israeli New Moon Society –

Sociedade Israelita da Lua Nova

O mandamento (mitzvah) de santificação do mês é o primeiro que os filhos de Israel foram ordenados à saída do Egito. Este mandamento é de grande importância porque as datas dos festivais (Moadim), incluindo mais de 60 mandamentos, dependem disso. Além da santificação dos meses, de acordo com o a observação da Lua Nova, o calendário hebraico depende dos anos bissextos (prorrogado por um mês extra) que dependem da posição do Sol, maturação dos grãos, etc.

 Por mais de mil anos, o calendário hebraico foi fixado pelo cálculo. Hoje, o calendário hebraico não corresponde ao fixado pela observação da lua... não temos autoridade para alterar a agenda até que um novo Sinédrio (Tribunal Superior religioso) seja restabelecido e seja amplamente reconhecido. Embora a santificação do mês de acordo com a observação não seja praticado hoje, é importante para realizar cálculos pela prática da observação da Lua Nova, a fim de estar pronto para quando o Sinédrio seja novamente restabelecido.

 Nos últimos anos, um número de pessoas e grupos começaram a observar a Lua cada mês para a prática do mandamento de observar a Lua e para determinar os critérios para os limites de visibilidade... Nós, da Sociedade Israelita da Lua Nova (The Israeli New Moon Society), estamos solicitando ao público em geral, para se juntarem a nós, na tentativa de observar a Lua Nova, no início de cada mês.   A Sociedade Israelita da Lua Nova foi fundada para esse propósito  pelo Rabino Dr. Nachum Rabinovitch, chefe do Yeshivat Birkat Moshe, Maale Adumim.

A sociedade trabalha com o Instituto para Kiddush Hachodesh Estudos, e inclui cientistas e rabinos de Universidades, Yeshivot e noutros países.

A sociedade Israelita da lua nova apresenta o assunto do ponto da vista do Judaism Orthodox Rabbinical. Aqueles interessados na observação e no uso da lua nova. Religiosos de diferentes pontos de vista deveriam consultar também ao (calendário) muçulmano, caraíta, cristão e idéias religiosas que evoluíram a partir de uma combinação de cristianismo e judaísmo.

 

 

 

 O objetivo de observar a Lua Nova

 

1.      Para observar e melhorar as práticas e a técnica: Para esse efeito você precisa saber quando e onde procurar (a lua nova). Diagramas, instruções e formulários estão disponíveis a partir de nosso relatório da sociedade israelita da Lua Nova.

2. Para elaborar critérios para o limite de visibilidade: Para isso, você tem que encontrar o momento em que a Lua se torna visível a olho nu. Isto exige conhecimentos técnicos (e da utilização de binóculos que ajuda muito). Geralmente, um observador pode desenvolver a aptidão necessária após alguns meses de prática.

 

Como observar e relatar

Utilize um dos nossos guias ou utilize o nosso software para ajudá-lo e anote o que você vê em um de nossos formulários. Você deve iniciar a busca cerca de cinco minutos antes da Lua no tempo esperado para aparecer. Um observador que está procurando, por vezes duramente tende a imaginar que ele tenha visto a lua. Para ter certeza de que você realmente viu, desvie o olhar para um momento, em seguida, olhe para trás para ver se realmente a Lua é visível. Uma vez que a lua foi encontrada, o observador deve continuar olhando até que a lua desapareça.

 

 

Usando binóculos (diâmetro de 50 mm), é possível ver a Lua 10 a 15 minutos mais cedo do que a olho nu. Para ver a Lua a olho nu, é mais fácil começar com binóculos para localizá-la e então confirmar a observação a olho nu. Quando a observação é difícil, o binóculo pode confirmar que o que foi visto foi a Lua em vez de outra coisa. Para esta finalidade deve-se escolher um par de binóculos adequado (7 a 20 x 30 a 80 mm). O melhor é encontrar um lugar(morros,montes) para olhar onde o horizonte(Oeste) esteja desobstruído e onde não tenha luzes  elétricas no mesmo sentido. A altura do horizonte deve ser menor que 3 °, ou seja, não pode ficar em lugares baixos.

 

Quer participar?

 

Acesse aqui ou para maiores informações: http://sites.google.com/site/moonsoc/  Ou entre em contato com o Dr. Roy Hoffman, The Israeli New Moon Society,

56 / 7 Mitspe Nevo, Maale Adumim 98410, Israel. Tel. + (972) 2 5353551 ou + (972) 53 849276, Fax: + (972) 2 6585084, e-mail royh63@gmail.com.

© Roy Hoffman e Tuvia Kaatz 2000-2009